SEM COMBUSTÍVEL E SEM AULA

O protesto dos caminhoneiros está interditando trechos de rodovias federais na Paraíba. Nesta quarta-feira (23), motoristas de aplicativos de transporte particular de passageiros aderiram ao movimento e pelo menos 13 trechos de BRs ficaram bloqueados ao longo do dia. Em geral, os trechos são interditados com caminhões e apenas carros de passeio estão sendo liberados. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), todas as interdições são parciais. 

No Campus IV da UFPB, com o caos no trânsito por causa do protesto, a Diretora Angeluce suspendeu as atividades acadêmicas aos professores e alunos na parte da tarde e noite.

O número de postos sem combustíveis na Paraíba aumentou. De acordo com o Sindicato Comércio Varejista de Derivados de Petróleo do Estado da Paraíba (Sindipetro), em todo o Estado já são 80% de postos desabastecidos de algum tipo de combustível, seja gasolina, etanol ou diesel. Por causa desse problema, vários municípios do Vale do Mamanguape suspenderam o ônibus universitário, impossibilitando a ida dos alunos.

Conversei com a professora Bernardina, reitora em exercício, e esclareço que o entendimento da nota da reitoria de hoje (23/05) se estende até o turno da manhã do dia 24/05.Amanhã a reitoria irá analisar a situação e emitirá novo posicionamento. Informa a Diretora do CCAE, Angeluce.

Se o protesto continuar com a mesma intensidade que foi hoje(23), sem alunos, o funcionamento do Campus IV será inviável.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*